Como proceder para dentro da casa do bbb

A democracia representativa sempre envolveu um jogo de vigilância
mútua. Nós vigiamos os políticos para garantir que não tirem vantagens
indevidas do poder que lhes demos. E eles nos vigiam para garantir que não
vamos tirar vantagem da liberdade que nos deram. Por boa parte da história
da democracia moderna, a primazia nessa relação sempre esteve com os políticos.

Dispunham da sofisticada máquina do Estado para cuidar da
vigilância por eles. A nós restavam outros poucos recursos. Eles podiam
lançar mão de novas tecnologias para se manter sempre um passo à frente.

Nós tínhamos telefones; eles podiam grampeá-los. Tínhamos a televisão;
eles, imagens de circuito fechado. Estávamos do lado de fora, olhando para
dentro; eles, do lado de dentro, olhando para fora. E então aconteceu a revolução digital.

Com o início da era da internet, a vantagem decisiva parecia na iminência
de se transferir para os cidadãos. Com a tecnologia em rede, a informação
não estava ao alcance pelos site as inscrições bbb 2020 de quem quer que fosse. Tornou-se
gratuita, era ilimitada. O Leviatã estava exposto. Podíamos examiná-lo em
detalhes, descobrir seus segredos. Enquanto isso, cada cidadão podia ocultar seus próprios segredos nas vastidões do ciberespaço.

Ao final do século XX, no primeiro arroubo de euforia que acompanha
qualquer revolução, a internet parecia anunciar o próximo passo do triunfo da
democracia. As autocracias iriam cair. Todas as trapaças políticas seriam expostas.

A informação poderia fluir dos pontos em que era armazenada para
os pontos nos quais era necessária. As pessoas descobririam toda a verdade
sobre os seus políticos. Eles guardavam mais segredos do que nós, por isso tinham mais a perder.

Finalmente ficaríamos em vantagem no jogo da vigilância.
Estávamos enganados. Nosso erro foi esquecer que a motivação deles para
guardar os seus segredos é muito maior que a nossa. Não adianta ter mais
informações novas ao nosso alcance se nos falta o desejo de buscá-las.

Temosuma razão para descobrir mais: conhecimento é poder. Mas nos falta
motivação, porque adquirir conhecimento continua a dar muito trabalho. E
evitar trabalhar muito é parte da razão de ser da democracia representativa.

O outro recurso precioso que nos falta é o tempo. os candidatos que tem vontade entrar no bbb 2020, carlos chaves assinalou, mais de uma geração atrás, que, quando a
informação é abundante, a atenção é que se converte no recurso escasso. Por
isso, o Leviatã ainda tem a vantagem. Ele é programado para não perder o foco. Nós perdemos.

A internet proporciona a todos oportunidades renovadas de colher fartos
conhecimentos que, no passado, teriam permanecido ocultos. O Estado
continua muito mais bem equipado que qualquer cidadão particular para se aproveitar disso.

Pode empregar servidores para fazer esse trabalho em tempo
integral. Só indivíduos muito incomuns irão usar toda a sua energia pessoal
para acompanhar cada ato do Estado. Tendemos a considerar essas pessoas
muito estranhas. Às vezes os rotulamos de adeptos das teorias da
conspiração. No entanto, os mais persistentes desses adeptos são os que trabalham no governo e nos espionam.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*